Novos materiais que tornarão prédios mais tecnológicos.

  • 06/09/2014

Cientistas de varias universidades estão desenvolvendo novos materiais que promete tornar nossos prédios mais tecnológicos. A Engenharia de Materiais bem como qualquer engenharia, visa desenvolver técnicas, aperfeiçoamentos, para que facilite vida do homem no seu dia a dia bem como o ambiente em que se vive. Portanto como todas tem tem o mesmo objetivo, a engenharia de Materiais vem Trabalhando com Engenharia Civil, e desenvolvendo materiais que podem fazer com que prédios fiquem mais tecnológicos e mais sustentáveis. Conheça alguns dos materiais que vem sendo desenvolvidos.

  • Tintas que podem identificar rachaduras:

Com a necessidade de prevenir futuros acidentes cientistas desenvolvem tintas que podem identificar rachaduras nos prédios. A tinta é feita de um subproduto da queima do carvão, que é aquecida com nanotubos de carbono perfeitamente alinhado, eletrodos são ligados a esses nanotubos e podem identificar microfissuras que são causadas por corrosão na estrutura e que sem um monitoramento técnico pode se agravar, e futuramente vir a queda do prédio. Além de que pode ser usada em locais com variações sísmicas e em usinas nucleares.

ruptura-do-concreto-1

  • Cordas de fibras de Carbono:

Há uma grande dificuldade para que possa construir prédios mais altos, e isso não de deve a mão de obre nem a falta de materiais ou competência por parte dos engenheiros, mais sim por um detalhe muito sutil que passa despercebido. Porque construir prédios tão altos sendo que não tem como levar as pessoas até o topo? A resposta para essa pergunta é a que as cordas dos elevadores não suportam pesos a elevadas alturas. Por isso desenvolveu-se um tipo de corda feita de fibra de carbono, e que é mais leve que as de aço e pode suportar mais cargas, o que faz com que o limite de altura dos prédios que era 500 metros, chegue a 1 km. KONE-UltraRope-2

  • Tijolos em formatos de Legos:

Baseado nos brinquedo de de encaixar, empresas estão desenvolvendo tijolos em formatos de blocos de Legos, (aquele mesmo de encaixar). Os blocos tem a vantagem de se encaixar com facilidade, além dos furos que podem ser reforçados com vergalhões e pouca argamassa, os blocos também proporcionam um baixo desperdício e causam baixo lixo residual. tijolos-furados Conheça mais materiais em: http://gizmodo.uol.com.br/7-materiais-edificios/

Comments are closed.